DSC_5333.jpg

A Universidade de Cabo Verde lançou a 3ª edição da revista jornalística Uni-Palavra no passado dia 14 de novembro de 2019 no Polo do Mindelo. Trata-se de um trabalho realizado pelos estudantes do Curso de Jornalismo, em São Vicente, sob a direção do Prof. João Medina, que, desta vez, vira-se para Reserva de Santa Luzia e ilhéus.

A cerimónia de lançamento contou a presença da Gestora da Reserva de Santa Luzia e Técnica da Direção Nacional do Ambiente, Dra. Silvana Roque, com o representante da Biosfera, Christian Morais, e também com os docentes e discentes da Uni-CV. No ato de abertura, Carlos Alves, estudante do Curso de Jornalismo, ressaltou a importância deste projeto tanto para ele como para seus colegas de curso, que pelo grau do desafio apresentado. O que lhes permitiu desenvolver não só competências pessoais como profissionais.

O Diretor da Revista, Prof. João Almeida Medina, realçou que a Uni-Palavra é uma estratégia para despoletar ideias e promover debates sobre temas importantes da nossa sociedade. E desta vez vem destacar a importância que cada um de nós tem no alcance do equilíbrio ambiental, através da mudança de postura em relação à biodiversidade.

Após a apresentação da Revista, os biólogos Rui Freitas, Corrine Almeida e Evandro Lopes participaram de um painel onde foi apresentado o histórico legal da criação das áreas protegidas em Cabo Verde, bem como a importância da preservação dos refúgios de espécies endémicas de Cabo Verde e algumas ilhas em particular. Ainda neste painel, foi apresentado os resultados de um trabalho científico realizado sobre a estrutura de comunidades na reserva marinha de Santa Luzia.

O evento foi encerrado com a exibição de um documentário sobre a reserva de Santa Luzia, documentário este que foi produzido pelos estudantes Carlos Alves e Suíla Soares, que se deslocaram a Santa Luzia em abril de 2018.

DSC_5323 (1).jpg